Emergências médicas e medicina intensiva: estágio na Rede D’Or

Programa oferecido pelo Instituto D’Or aos estudantes de graduação prepara para a carreira médica em hospitais. Com o processo seletivo se aproximando, são oferecidos cursos preparatórios para as provas.

Com tradição em ensino e pesquisa, a Rede D’Or São Luiz (RDSL), por meio do Instituto D’Or de Pesquisa e Ensino (IDOR), abre espaço para centenas de jovens terem suas primeiras experiências profissionais nas áreas de medicina intensiva e emergências médicas. O programa de estágio abrirá 110 vagas para 2019, sendo 10 em emergência médica, no Hospital Copa D’Or, e o restante em medicina intensiva, em nove hospitais da rede no Rio de Janeiro. Aos que quiserem se preparar para o concorrido processo seletivo – a relação candidato/vaga chega a 10 –, o IDOR oferece cursos preparatórios.

Além de fornecer ao graduando a visão prática do ambiente hospitalar de emergência, o curso preparatório é um pré-requisito para participação no processo seletivo do programa de estágio em emergências médicas. Já para o programa em medicina intensiva, embora não seja obrigatório, o curso pode aumentar a chance de o estudante ser classificado para o estágio: cerca de 40% dos aprovados no programa passaram por essa formação inicial.

Há 120 vagas para o curso preparatório em medicina intensiva e 80 para emergências médicas. As aulas, disponíveis para estudantes de qualquer período das faculdades de medicina, incluem discussões com professores especialistas e preceptores do programa de estágio da RDSL e ajudam na preparação do aluno também para outros concursos acadêmicos. Quem fizer o curso preparatório em qualquer das duas modalidades recebe isenção da taxa de inscrição na prova para o programa de estágio do IDOR e da RDSL.

Importância do estágio acadêmico

O estágio acadêmico é, para muitos profissionais, o primeiro contato com o mercado de trabalho e com o dia a dia da carreira. É, também, a etapa da vida de um estudante em que o aprendizado prático tem impacto direto na sua formação e no tipo de profissional em que irá se transformar. Além disso, com mercado de trabalho cada vez mais competitivo, a capacitação profissional, ainda durante o período da graduação, junto a grandes instituições é a principal estratégia para quem deseja se destacar.

Na área da medicina não é diferente. Tão logo ganham conhecimento básico durante os primeiros anos da graduação, os estudantes são estimulados a ter contato com pacientes e com a rotina de postos de atendimento, clínicas e hospitais, vislumbrando possíveis caminhos a seguir dentro da carreira médica. Mais do que isso, a vivência prática oferecida pelo estágio, aliada ao corpo clínico de qualidade e ao parque tecnológico de excelência que são a marca da RDSL, oferece uma estrutura valiosa aos futuros médicos, formando profissionais mais capacitados para lidar com as questões do dia a dia de um hospital de alta complexidade.

Por fim, vale destacar que os programas de estágio acadêmico da RDSL são, frequentemente, a porta de entrada para o recém-formado nesta que é a maior rede de hospitais privados do Brasil. Levantamento recente feito pelo IDOR apontou que, a cada quatro estagiários, três são posteriormente incorporados ao quadro clínico da RDSL.

Mais informações:

Curso preparatório para estágio em Emergências Médicas

Curso preparatório para estágio em Medicina Intensiva

Baixe aqui o folder informativo sobre o Programa de Estágio!